Reprodução de vídeo redes sociais

Aviões colidindo no Japão

O avião de passageiros da Japan Airlines que colidiu com uma aeronave da Guarda Costeira japonesa
 ao aterrissar no aeroporto de Haneda, em Tóquio (Japão) na terça-feira (2), recebeu permissão para pousar, segundo a companhia aérea. Ainda, foi divulgado que não houve “quaisquer problemas ou irregularidades” na aeronave durante todo o voo.

O acidente deixou cinco pessoas mortas. Elas estavam no avião da Guarda Costeira. Já os 379 passageiros e tripulantes do Airbus A350 da Japan Airlines deixaram a aeronave em segurança.

Questionada sobre a permissão para pouso, a Japan Airlines respondeu: “Nosso entendimento é que ela foi concedida”, mas não detalharam qual foi a mensagem enviada pela torre de controle.

Em comunicado divulgado nesta quarta-feira (3), a companhia aérea afirmou que entrevistou a tripulação da aeronave. “Eles reconheceram e repetiram a permissão de pouso do controle de tráfego aéreo e, em seguida, prosseguiram com os procedimentos de aproximação e pouso”, diz trecho da nota.

As inspeções dos destroços dos aviões iniciaram na manhã de hoje. Segundo a Reuters, a polícia também investiga uma possível negligência profissional.

Leia mais

Monitorado por Vejas.com.br – Link Original:
Avião que colidiu teve permissão para pousar, diz companhia aérea