Divulgação / PMB

Um ranking da consultoria Urban Systems, publicado recentemente pela revista Exame, mostra Barueri como a segunda melhor cidade do Brasil para fazer negócios nos setores de Comércio e de serviços. O município só perde para São Paulo em ambas as áreas.

Na área comercial, São Paulo ocupa o primeiro lugar pelo terceiro ano consecutivo. Em 2020, durante a pandemia de covid-19, Barueri chegou a liderar o setor. De acordo com os dados divulgados desse novo estudo, o município obteve o Índice de Qualidade Mercadológica (IQM) de 4.224, seguindo a cidade de São Paulo, que conseguiu o IQM de 4.880.

Comércio próspero

Para analisar especificamente a área de Comércio, são levados em conta dez indicadores, a saber: renda do trabalhador do comércio varejista, renda do trabalhador do comércio atacadista, empregos no setor com média e alta remuneração, estabelecimentos comerciais varejistas, estabelecimentos comerciais atacadistas, empregos no comércio varejista, empregos no comércio atacadista, crescimento populacional, densidade de banda larga e renda do trabalhador formal.

Serviços

Já em serviços, Barueri também se destaca na 2ª posição, com IQM de 4.066, seguindo novamente a Capital paulista, que obteve o IQM de 4.731. Neste estudo, realizado exclusivamente para a área de serviços, são analisados oito indicadores: a quantidade de empregos com alta e média remuneração, a renda do trabalhador do setor, a quantidade de empregos qualificados, a velocidade de internet banda larga, diversificação econômica, o crescimento do número de estabelecimentos, a relação de empregos no setor e na administração pública e a quantidade de empresas de grande porte.

“Os comerciantes e empresários do município têm incentivos e condições muito boas para abrirem seus negócios aqui em Barueri. É uma somatória de situações, como segurança, alíquota de impostos, infraestrutura e localização, rede de transportes, entre outras, oferecidas pela Prefeitura, que apoia o comércio e o serviço e os faz prosperar”, declara o secretário Magoo.

Sobre o estudo

O IQM, que mede ambos os setores, é calculado a partir de informações sobre fluxo de comércio, população, infraestrutura, características urbanas, entre outras. Nesta edição das Melhores Cidades para Fazer Negócio, tanto em comércio quanto em serviço, a Urban Systems usou informações do Censo 2022, que incluiu, entre outras novidades, o eixo de Saúde, setor que recebe constantes investimentos para suprir demandas das populações em todo o país.

As 10 melhores cidades do Brasil para fazer negócio no comércio:

Colocação / Município/  UF

1º São Paulo (SP)

2º Barueri (SP)

3º Itajaí (SC)

4º Sinop (MT)

5º Florianópolis (SC)

6º Paulínia (SP)

7º Palhoça (SC)

8º Belo Horizonte (MG)

9º Palmas (TO)

10º Parauapebas (PA)

Fonte: Urban Systems

As 10 melhores cidades do Brasil para fazer negócio no setor de serviços:

1º São Paulo (SP)

2º Barueri (SP)

3º Rio de Janeiro (RJ)

4º Brasília (DF)

5º Florianópolis (SC)

6º Belo Horizonte (MG)

7º Recife (PE)

8º Porto Alegre (RS)

9º Curitiba (PR)

10º Vitória (ES)

Fonte: Urban Systems

Monitorado por Vejas.com.br – Link Original:
Barueri é a 2ª melhor cidade do Brasil para negócios em comércio e serviços, aponta estudo