Conteúdo/ODOC – A cada 10 pequenos negócios, 7 têm perfis nas plataformas digitais. Isto é o que revela a Pesquisa ‘Transformação Digital nos Pequenos Negócios’, realizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) realizada entre os dias 24 de julho e 26 de setembro de 2023, a qual ouviu 6.247 empreendedores em todo o país.

O estudo mostrou que a rede social mais popular entre os empreendedores é o Instagram (64%), seguida do Facebook (41%). Em terceiro lugar aparece o LinkedIn (6%), seguido do TikTok (3%), Youtube e X (antigo Twitter), com 2%. Por último tem o Kwai (1%) completando a lista das plataformas.

Os setores que têm maior presença em redes sociais são: beleza (83%), seguido pela indústria alimentícia (82%), os negócios ligados à economia criativa (79%), petshops (75%) e artesanato, educação e moda (72%).

O gestor de Mercado Digital do Sebrae/MT, Leandro Gonçalves, diz que o empreendedor precisar estar atualizado às novas tecnologias para se destacar no mercado e poder divulgar melhor o seu produto ou serviço e fortalecer a marca.

“Quando falamos de mercado digital, sabemos que essa era trouxe uma revolução sem precedentes ao mundo dos negócios. A capacidade de se adaptar e adotar novas tecnologias tornou-se um diferencial competitivo, especialmente para pequenos negócios que buscam se destacar no mercado cada vez mais saturado. O mundo hoje ele é digital, por isso a importância de as empresas terem uma presença nesse meio. É essencial que as empresas divulguem seus produtos, fortaleçam a sua marca, se relacionem e estejam visíveis aos olhos dos clientes”, explica o gestor.

Outro dado relevante é sobre as vendas digitais que, segundo a pesquisa, são responsáveis por mais de 40% do faturamento dos pequenos negócios e as plataformas mais usadas pelos pequenos negócios para realizar vendas são WhatsApp com 56% e Instagram com 43%. E outro número importante da pesquisa é que aproximadamente 70% das micros e pequenas empresas brasileiras, elas usam ferramentas digitais para realizar vendas.

“O comércio digital ele se impôs como realidade aos pequenos negócios. O mundo digital revolucionou a forma de fazer vendas, de se relacionar com o cliente e por isso o Sebrae tem um papel muito importante no sentido de apoiar o empreendedor a se inserir cada vez mais no mercado digital. Nós entendemos o poder desse mercado, por isso a importância do Sebrae em disponibilizar soluções, consultorias, orientações para apoiar os pequenos negócios na inserção do mundo digital”, finaliza Leandro.

Monitorado por Vejas.com.br – Link Original:
Sete em cada 10 pequenos negócios têm perfis nas redes sociais; Instagram é o favorito